o seu olhar melhora o meu...

(Arnaldo Antunes)



não vemos as coisas como são: vemos as coisas como somos.

(Anais Nin)

25 de abr de 2010

horizonDe?




a propósito desta foto, o poeta Danilo de Abreu fez algo muito especial:


horizonde:
onde
há aortas abertas?
há cadeias a romper?
horizondes
onde o vermelho das grades
tarjas pretas
conclamam ao sono lento
sono lerdo:
grades de ver-me-lhas
contra o concreto
secreto e rude:
onde horizontes
que ainda suportem
o peso dos meus sonhos?

.

2 comentários:

Aldo Finotti disse...

Bom olho querida!. Linhas infinitas e uma ótima sacada das paralelas, "starway to heaven" ;)

olhar de lambe-lambe disse...

opa, essa "escada" aí é de responsa! rsrs...
valeu fô, ainda podia ficar mais retinho com a borda da foto, mas gostei do resultado também ;)
beijo